Petição quer 30 euros por turno no DECIF

0

DCIFEstá a circular uma petição publica online que reclama “dignidade para o DECIF”

A petição dirigida à Ministra da Administração Interna e ao Secretário de Estado da Administração Interna defende que, os valores pagos durante o DECIF – Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais – devem ser atualizados para 30 euros, por cada turno de 12 horas.

No breve texto que acompanha a petição, o autor critica o presidente da Liga de Bombeiros Portugueses pelo facto de se ter comprometido a fazer pressão  para que as ECINs – Equipas de Combate a Incêndios  sejam pagas a 50 euros,  considerando “impossível, para não dizer absurdo”.  Atualmente  os valores estão fixados em 22,50€,  relativamente aos meses entre 15 de Maio e 15 de Outubro, por cada turno de 12 horas.

O autor da petição intitulada “Queremos dignidade para o DECIF” sublinha ainda que, com esta iniciativa pretende-se demonstrar o “desagrado  que se vive nos corpos de bombeiros em relação a este assunto”, ou seja,  ao valor pago aos elementos que integram o dispositivo.

Os assinantes do documento reclamam um aumento de 7,50€ ou seja de 22,50€ para 30 euros por cada turno de 12 horas durante o  Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais.

A  petição teve inicio no passado dia 2 de Fevereiro e, a hora da redação desta noticia, conta com mais de 800 assinaturas.

(Fonte: bombeiros.pt/peticaopublica.com)

 

 

Sobre o autor

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e estudante em Mestrado em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.