Cabeceiras e Celorico Perdem INEM

0

As ambulâncias do INEM que operam em Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto vão abandonar aqueles concelhos no final deste mês de Setembro, face à sua reduzida utilização, passando o serviço a ser assegurado pelos bombeiros locais, foi esta sexta-feira anunciado.
A Câmara de Cabeceiras de Basto já garantiu que se as condições de funcionamento do serviço não forem iguais às actualmente existentes usará “todos os meios ao seu alcance” para travar a mudança.
Esta sexta-feira, é assinado o protocolo entre o INEM e os bombeiros de Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto, que entra em vigor a partir de segunda-feira e pelo qual as corporações “ganham” cada qual uma ambulância de socorro.
O INEM tem em Celorico de Basto uma viatura de suporte básico de vida (SBV), que funciona das 20h00 às 8h00 e que em 2011 registou, em média, 0,3 saídas por noite.
Em Cabeceiras de Basto, existe uma ambulância de suporte imediato de vida, que funciona 14 horas por dia e que em 2001 registou uma média de 1,2 saídas diárias.
Esta ambulância será retirada e substituída por uma ambulância de socorro.
O presidente da Câmara de Cabeceiras de Basto, Joaquim Barreto, já pediu ao INEM que esclareça se a nova ambulância “tem as mesmas respostas e capacidades que a atual”.
Se as condições agora apresentadas não forem iguais às existentes, a Câmara “não aceitará” a mudança e “informará a população e os autarcas do concelho no sentido de defender, por todos os meios ao seu alcance”, a continuação da prestação dos serviços de saúde atualmente existentes.
Em finais de junho, e ainda no distrito de Braga, foi retirada a ambulância INEM que existia em Vieira do Minho.
Estas mexidas integram-se na reestruturação da rede de emergência pré-hospitalar que o INEM está a operar em todo o país, para colocar os meios onde realmente são precisos.

Fonte: Antena Minho

Sobre o autor