Bombeiros de Faro apostam na sensibilização e vigilância

0

Os bombeiros sapadores de Faro andam diariamente nas zonas rurais. A ideia é alertar as populações para a necessidade de limpar terrenos para prevenir incêndios.

Numa visita esta manhã, os bombeiros viram exemplos a seguir mas também muito mato por limpar. A campanha é feita quase de porta a porta.

Nalguns casos, nada a apontar mas noutros, veem-se locais com ervas altas, mato que não foi cortado e pode ser rastilho para incêndios.

O restaurante de Vítor Simplício, na zona rural de Bordeira, fica junto a uma ribeira e foi o proprietário quem mandou limpar todo o canavial. No entanto, há terrenos à volta a que ninguém liga. “Está ali uma quinta com pasto com dois metros de altura. Se aquilo pega fogo ardem casas, arde tudo”, alerta Vítor

Mais à frente, os bombeiros sapadores de Faro deparam-se com um parque de estacionamento de outro restaurante, junto a uma zona onde o mato já está alto.

O bombeiro sapador João Lopes alerta a proprietária: “Andamos a fazer visitas aos proprietários para os sensibilizar para a limpeza daquilo que poderá ser mais perigoso”.

Depois de ouvir o recado, Maria Joaquina garante que vai limpar o pasto seco e elogia a atuação dos bombeiros até porque não quer ver incêndios à sua porta. “Ai, não gostava não, o que está a acontecer [alguns locais do país] é uma loucura”, lamenta.

Fonte: tsf

Sobre o autor

Pedro Fonseca

Pedro Fonseca

É natural e residente em Gouveia, a sua vida profissional está ligada nestes últimos 16 anos à área de consultadoria em seguros. Em 2013 foi fundador da empresa LICATEL - Soluções em Telecomunicações onde é sócio/gerente. Desde tenra idade ingressou nas camadas jovens dos Bombeiros de Gouveia tendo permanecido alguns anos nos quadros, ultimamente passou pela Direcção da referida Instituição dinamizando a área de comunicação e imagem. Frequentou a licenciatura em Gestão de Marketing no IPAM de Aveiro. Passou por diversas Associações de Gouveia dando o seu contributo.