Área ardida mais do que triplicou este ano

0

A área ardida mais do que triplicou este ano em relação ao mesmo período de 2011, tendo os incêndios florestais consumido 67052 hectares. O maior incêndio de 2012, registado até à data, teve início a 18 de julho no local da Catraia, concelho de Tavira.

O relatório provisório de incêndios florestais da Autoridade Florestal Nacional (AFN) indica que entre 1 de janeiro e 31 de julho foram registadas 13889 ocorrências de fogo que resultaram em 67052 hectares de área ardida.

Os dados provisórios adiantam que nos últimos dez anos este foi o terceiro que registou o maior número de fogos e o quarto com valores superiores de área ardida.

O documento salienta que o maior incêndio de 2012, registado até à data, teve início a 18 de julho no local da Catraia, concelho de Tavira, e estima-se que terá consumido uma área aproximada de 23958 hectares, traduzindo-se em cerca de 21562 hectares em espaços florestais.

Sobre o autor

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.