APBV acusa a Liga de Bombeiros de “negócios pouco claros”

0

formaturaA RTP irá emitir na próxima segunda-feira, dia 12 de Setembro, um programa especial continuado denominado “Nação Valente”, que pretende prestar tributo à coragem, dedicação e sacrifício nacional de todos os Bombeiros Portugueses, em particular, na sua ação no combate ao flagelo dos fogos de Verão.

Assim, endereçou convites a diversas entidades ligadas ao setor dos bombeiros para estarem presentes, entre as quais à Associação Portuguesa dos Bombeiros Voluntários (APBV).

Em resposta, o presidente da APBV, Rui Silva, recusou o convite com a referência ao facto de todo o dinheiro angariado pela RTP reverter a favor da Liga dos Bombeiros Portugueses.

Rui Silva justifica ainda o declinar do convite com a consideração de que o Fundo de Protecção Social do Bombeiro (FPSB), gerido pela Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP), “tem servido nos últimos anos para negócios pouco claros”.

Acusa Rui Silva que os “negócios pouco claros” têm contribuído para os “graves prejuízos da tesouraria do Fundo de Protecção Social do Bombeiro, com a envolvência de funcionários e a aprovação do Presidente do Conselho Executivo da LBP, Sr. Jaime Marta Soares.”

Perante tais acusações, o Portal Bombeiros.pt contactou a Liga dos Bombeiros Portugueses esta tarde no sentido de obter uma reacção por parte dos seus responsáveis. Porém, apesar das diversas tentativas efectuadas, não foi possível obter qualquer reacção.

 

Sobre o autor

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.