Abertura de Concurso para as Equipas de Apoio Psicossocial (EAPS) da ANPC

0

Decorre até ao dia 1 de março de 2016 o concurso para admissão às Equipas de Apoio Psicossocial (EAPS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil, exclusivamente para bombeiros que sejam, simultaneamente, psicólogos.

Logo_EAPSOs requisitos para candidatura às EAPS são:

– Ser bombeiro dos quadros ativo ou Comando de um Corpo de Bombeiros de Portugal Continental;
– Possuir habilitação académica superior em Psicologia (com inscrição na Ordem dos Psicólogos Portugueses);
– Possuir disponibilidade para frequentar, em regime de voluntariado, o Programa de Formação Inicial que é de presença obrigatória, bem como para as ativações em situações de emergência;
– Autorização do Comandante do Corpo de Bombeiros para candidatura às EAPS.

Realçamos que estas Equipas funcionam em regime de voluntariado.

o processo de seleção incide em duas dimensões:

– Avaliação curricular (40% de ponderação);
– Entrevista (60% de ponderação).

Os distritos prioritários para a admissão de novos psicólogos para as EAPS são:

– Beja;
– Bragança;
– Castelo Branco;
– Évora;
– Guarda;
– Viana do Castelo;
– Vila Real;
– Viseu.

Têm de ser remetidos os seguintes documentos:

– Cartão do Cidadão;
– Certificado de Habilitações;
– Cartão da Ordem dos Psicólogos;
– Formulário de Candidatura das EAPS devidamente preenchido;
– Autorização do Comandante do Corpo de Bombeiros para candidatura (no final do formulário de candidatura).

As candidaturas devem ser remetidas até ao dia 01 de março de 2016, em formato digital, para o email: apoio.psicossocial@prociv.pt

Têm de ser remetidos os seguintes documentos:
– Cartão do Cidadão;
– Certificado de Habilitações;
– Cartão da Ordem dos Psicólogos (apenas na especialidade de psicologia);
– Formulário de Candidatura das EAPS devidamente preenchido;
– Autorização do Comandante do Corpo de Bombeiros para a candidatura (no final do formulário de candidatura).

Aceda aqui ao formulário de candidatura.

Mais informações através do email: apoio.psicossocial@prociv.pt ou do telefone 214247100.

Fonte – ANPC

Sobre o autor

Ângelo Santos

Ângelo Santos

E natural do Porto e criado em Gondomar, assume-se como um “tripeiro de gema” pela forte influência e proximidade à cidade do Porto. Nasceu praticamente no seio dos bombeiros derivado à presença de familiares nas fileiras, onde de perto acompanhou a sua evolução e ganhou gosto pela causa. Integra na atualidade o corpo de bombeiros de Valbom no Concelho de Gondomar, onde exerce funções de bombeiro de 2º, com vínculo profissional de Operador de Comunicações. Fez ainda parte do projeto bombeirosdeportugal.com.