Alargamento das instalações é objectivo da direcção dos Bombeiros de Portimão | FOTOREPORTAGEM

0

O alargamento das instalações é um dos objectivos fundamentais da direcção dos Bombeiros de Portimão para o novo mandato. Isso mesmo foi assumido, este Domingo (20 de Março), pelo seu presidente, Álvaro Bila, na cerimónia de tomada de posse dos órgãos sociais, recentemente eleitos.

A ocasião foi aproveitada para a assinatura de um contrato-programa com a Câmara de Portimão, no valor de 350 mil euros, verba que assegura o equilíbrio financeiro de uma associação que conta com 120 bombeiros
ao seu serviço.

A verba foi a máxima possível, disse a presidente da Câmara, Isilda Gomes, que garantiu que, caso a edilidade não passasse pela situação difícil de todos conhecida, a transferência seria maior, dada a importância que a actividade dos bombeiros tem para o concelho e a sua população.

Richard Marques - Imagem: Algarve Marafado

Comandante Richard Marques – Imagem: Algarve Marafado

O comandante da corporação, Richard Marques, destacou o trabalho de todos os seus subordinados e manifestou-se muito satisfeito por cada vez haver mais jovens (e até crianças) a quererem juntar-se ao grupo. Isso pode ser constatado pela mais recente campanha de recrutamento da qual resultou a entrada de 21 estagiários. A isto somam-se 27 candidatos à Escola de Cadetes e Infantis, recentemente criada.

Neste sessão foi divulgada uma lista de 90 (!) acções que estão a ser desenvolvidas e vão continuar até ao final do ano, em comemoração dos 90 anos de existência da Associação dos Bombeiros Voluntários de Portimão. Exposições, seminários técnicos, exercícios, acções de sensibilização e dias de portas abertas são algumas das iniciativas previstas.

Um dos destaques vai para o retomar do Dia Regional do Bombeiro do Algarve, que fica, desde já, agendado para 29 de Maio.

Álvaro Bila - Imagem: Algarve Marafado

Álvaro Bila – Imagem: Algarve Marafado

Recentemente, os Bombeiros de Portimão promoveram na Alameda da Praça da República uma competição a que foi dado o nome de Desafio Crossfire . Nestes jogos participaram bombeiros de todo o país, e, dado o sucesso obtido, a corporação vai realizar um outro, mas este terá como participantes não bombeiros, mas cidadãos comuns que vão sentir na pele a sensação de praticarem os exercícios que os ‘soldados da paz’ realizam.

Em termos individuais, o destaque maior desta sessão foi para o responsável da Fanfarra dos Bombeiros de Portimão, Nuno Silva, cujo trabalho de muitos anos foi reconhecido com a atribuição de uma medalha honorífica de grau prata.

Fonte: Algarve Marafado

Sobre o autor

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.