Bombeiros de Águas de Moura organizam Prova de Orientação BB

0

13096215_536668459791634_7414167704706725251_n

No âmbito das comemorações do Dia Municipal do Bombeiro, os Bombeiros de Águas de Moura organizam uma prova de orientação com o objectivo treinar e aprofundar os conhecimentos de orientação, assim como promover o convívio entre os operacionais dos CB´s participantes.

Organiza a tua equipa e participa!!!

Regras e equipamento necessário:
• Esta prova destina-se a operacionais dos CB´s participantes;
• Cada equipa é constituída por cinco operacionais;
• Todos os participantes têm que fazer uso de uniforme n.º 3 (calça, dólman, cinturão, t´shirt, botas) e capacete florestal.
• Cada equipa terá de ter uma bussola (com cordel para escala), quadrícula, caneta de acetato, régua, caneta e bloco de notas.
• Cartas militares 1:25.000: 1 carta n.º 444 – Rio Frio, 1 carta n.º 455 – Águas de Moura e 1 carta n.º 456 – Fangarifau;
• A organização fornece a cada equipa um questionário que terá que ser preenchido durante a prova e entregue no final.
A prova:
• A prova tem inicio e fim no quartel dos Bombeiros de Águas de Moura;
• Antes do inicio da prova será realizado um briefing, onde serão explicados os objectivos e procedimentos durante a prova;
• A duração total da prova será de cerca de quatro horas;
• A prova é composta por 6 a 7 pontos, designados por “balizas”;
• As balizas serão localizadas por coordenadas geográficas;
• As equipas terão que percorrer as balizas por ordem numérica crescente (ex: 1,2,3…), não podendo alternar esta ordem (ex: 1,4,3,5,2,…);
• Não é permitida a utilização de GPS;
• A organização da prova poderá necessitar de realizar ajustes durante o decorrer da prova, assim como resolver qualquer questão que se coloque.

Fonte: Facebook Bombeiros de Águas de Mouras

Sobre o autor

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.