Passadeira passa a contar como formação

0

Nova norma da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) irá revolucionar os Corpos de Bombeiros e a forma como vêem e pensam as actividades de preparação física dos bombeiros portugueses.

Sabe o «Boca» d’ Incêndio que está já a ser preparada pela Confederação uma manifestação de protesta contra a nova norma de formação de bombeiros. Esta norma exige que cada bombeiro tenha, no mínimo, contabilizada 1 (uma) hora semanal, a uma velocidade de 6km/h, numa passadeira de corrida.

A nota de convocação da manifestação assinado pela Confederação, a que o «Boca» d’ Incêndio teve acesso, afirma, no seu ponto mais crítico, que a norma da ANPC “É um completo atestado de incompetência aos bombeiros portugueses, pois exige-lhes que saiam do seu conforto, especialmente no inverno, e que vão correr sem vontade ou sem necessidade.”

O «Boca» d’ Incêndio confrontou os responsáveis da Confederação de Bombeiros acerca deste manifesto, sendo que o máximo dirigente afirmou que “eu nunca precisei de correr para nada. Sempre arranjei forma de chegar as coisas a mim. Agora, vou dizer aos outros para correrem? E mais… Para que queremos bombeiros em forma e magrinhos? Não sabem que a imagem do bombeiro gordinho e roliço é a mais admirada por todos os portugueses? Já viram se, como irá acontecer nos bombeiros, o Pai Natal passasse a ser um sujeito de corpo bem definido? Todos iam dizer que aquele não era o Pai Natal. Os bombeiros gordinhos devem continuar gordinhos.”

Perante esta opinião, o «Boca» d’ Incêndio confrontou diversos comandantes com a nova obrigatoriedade. Um deles, conhecedor das façanhas da Confederação, resumiu que “tudo o que não é whiskey e gambas, é negativo para os dirigentes dos bombeiros”. O mesmo comandante afirmou que “Esta iniciativa é óptima e vai ao encontro da vontade de todos os bombeiros e comandantes de ter homens e mulheres melhor preparados física e mentalmente”, referindo que não será possível para a maioria das corporações ter verbas para comprar os equipamentos.

Perante esta realidade, o «Boca» d’ Incêndio irá fazer uma campanha de sensibilização junto de diversas empresas para tentar que através de donativos esta melhoria física dos bombeiros portugueses seja uma realidade.

 

Sobre o autor

«Boca» d’ Incêndio

«Boca» d’ Incêndio

A «Boca» d’ Incêndio é o nome que intitula uma rubrica humorista do portal bombeiros.pt. Jornalistas e bombeiros desenvolvem semanalmente notícias humorísticas que “esmiúçam” os bastidores do mundo dos Bombeiros Portugueses e da Proteção Civil. Apesar de devidamente identificada como «Boca» d’ Incêndio, esta rubrica leva a que alguns dos nossos leitores acreditem no seu conteúdo, derivado à proximidade das notícias com a realidade. No entanto, todas as notícias publicadas na «Boca» d’ Incêndio são puramente ficcionais ou não e não pretendem mais do que trazer sorrisos e bom humor ao universo dos Bombeiros Portugueses e da Proteção Civil. Sorria e esteja atento às madrugadas de Sábado, no momento em que a «Boca» d’ Incêndio jorrará!